Recordar é (re)viver!

Aggiornamento: 14 nov 2020

TUDO COMEÇOU EM PERUGIA....


Neste dia cinzento e chuvoso, tomando um cappuccino e olhando algumas fotos da primeira vez que estive na Itália, me deu uma vontade de reviver tudo!!

Senti novamente aquela emoção, aquela ansiedade, aquela alegria! Isso me levou a fazer este blog, que estava nos meus planos ha tanto tempo...


Era verão.. eu estava muito empolgada em conhecer o bel paese, pois era a realização do grande sonho da minha vida.


Foi uma viagem de estudos, um curso de atualização para professores que durou um mês, na Universidade de Perugia, a Unistrapg (Universitá per Stranieri di Perugia).



Perugia foi habitada desde a idade do ferro (VII e IX sec. a.C.) por povos itálicos que hoje são chamados genéricamente de Villanoviani (Vilanovianos).


Mas foi o povo estrusco, que a partir do sec X e XI a.C. populou a colina onde hoje se encontra a cidade, que teve grande prestígio na segunda metade do sec VI a.C.


Portanto, quando a cidade de Roma ainda não passava de um acampamento de cabanas, na Perugia etrusca já se entrava por 7 portas... Eis uma delas:

Arco di Augusto ou Porta di Augusto


Perugia é uma cidade rica de história e monumentos, é o polo cultural da região da Umbria, importante meta turística e sede da Universidade para Estrangeiros Unistrapg.

A sede da Unistrapg encontra-se no Palazzo Gallenga, que fica ao lado do Arco de Augusto




Voltando a falar do Arco de Augusto...

Este arco ou porta, foi construído no século III a.C., e era o acesso principal da acrópole etrusca.​

Perugia é cheia de edifícios importantes, um deles é o "Palazzo dei Priori"


Edifício em estilo gótico, construído entre 1293-1443, encontra-se na praça IV de Novembro.

A entrada principal é ornada com as estátuas do grifo e do leão.


Seu interior conserva ambientes de imensurável interesse como a Sala dei Notari, sala dos notários, constituída por oito arcos a tutto sesto (elemento estrutural em forma curva que se apóia somente sobre dois pontos, tipicamente suspenso sobre um espaço vazio), com várias pinturas que narram lendas e histórias bíblicas.

Os útimos andares são sede do museu Galleria Nazionale dell'Umbria, com um rico patrimônio artístico.



No proximo post veremos outros elementos que compõem o quadro das belezas de Perugia!

Até mais

^.^

6 visualizzazioni0 commenti

Post recenti

Mostra tutti